10 outubro 2005

Por que as mulheres tecem?



Esta pergunta não me sai da cabeça. Desde que o Tessituras existiu pela primeira vez, nas páginas soltas de um caderno há muito tempo esquecido por mim. Por que as mulheres tecem?

Tecer é como compor. É abrigar. É abraçar com fios, a quem se ama. É dispor de tempo para o outro (este tão precioso tempo). Tecer é herdar de nossos antepassados, naturalmente, o que houve de melhor em nós mesmas. A capacidade de amar.

Tecer é celebrar nossos primeiros amores. Nossos primeiros filhos. Nossos primeiros netos. Nossos tão queridos enxovais, ritos de iniciação. Tecer é celebrar cada momento.

Tecer é doar de si mesma a quem vai chegar. A quem chegou. A quem partiu, há muito tempo e ainda não voltou. Mas está em nós, em nossa mais íntima tessitura.
Tecer é arrumar um vaso de flores e por baixo, colocar um paninho. Tecer é fazer uma trança no cabelo de uma menina e colocar uma flor. Tecer é bordar a fronha do travesseiro do seu filho. Tecer é agasalhar o seu neto. Tecer é amar e saber que ama.

Escrever um blog é como publicar um livro em parágrafos. Com o privilégio de poder ouvir o leitor. Participem. Escrevam. Recomendem. Senão, nós só vamos compartilhar nossas tessituras com nós mesmas.